INVESTIDA SINÁRQUICA CONTRA O ESTADO NACIONAL SOBERANO

ANDERSON CALIL, AMIGO E COLABORADOR DO MIL-B, FOZ DO IGUAÇU.

 

Estou de acordo com o posicionamento político da União Nacionalista Democrática e do Integralismo Linear. Creio na Ação Civilizadora e Construtiva das Forças Armadas: os militares são os responsáveis pela construção e desenvolvimento do Estado Nacional Soberano Brasileiro.

 

As pressões internas e externas do Controlador, passou a uma radicalização verbal que deprecia os projetos econômicos da oficialidade republicana. Este processo de radicalização fez com que a política esquerdista de desmantelamento das Forças Armadas e Nações Ibero-americanas passasse a Reger as hostilidades do Controlador em relação às Forças Militares.

 

Teve início, portanto, o processo Sinárquico, que caracteriza a atuação Geopolítica Contra o Estado Nacional Soberano. Este discurso, é assim notado por François Dreyfus.

 

“Trata-se de um pequeno grupo dentro do qual encontramos Ernest Mercier, então presidente-diretor geral de uma das grandes companhias de material elétrico, Jean Coutrot que preconiza uma política econômica próxima dos Planos, Robert Gibrat, ministro das Comunicações de Vichy e pai da energia maremotriz, assim como Bichelonne, um engenheiro de Minas particularmente brilhante que será um dos ministros mais importantes do regime de Vichy – a respeito de quem não podemos esquecer que ao lado dos graves erros que ele cometeu, ele foi também, indiretamente, o pai da reconstrução da França após a Liberação. A Sinarquia gostaria de implantar um capitalismo organizado, planificado, controlado pelo Estado. É além do mais por meio dos sinarquistas, assim como dos homens dos Planos, que penetra finalmente na França a recusa do malthusianismo econômico que caracteriza a mutação de nosso país, primeiro no período de Vichy, depois nas IVª e Vª Repúblicas” (DREYFUS, François – G.De Gaulle et le gaullisme. Paris: Presses Universitaires de France, 1982, p. 59).

 

O resultado deste contexto seria, portanto, um divórcio crescente entre as Forças Armadas e o próprio regime que elas até então haviam sustentado.

 

INVERSÃO DA REALIDADE

 

O debate em torno de raças no Brasil sempre foi intenso. As divisões raciais das políticas de ação afirmativa – eliminando todas as nuances características da nossa miscigenação – construiu uma separação entre cores que nunca existiu no Brasil. A igualdade de oportunidade é agora uma questão de competitividade.

 

Na esfera política, o homem é tomado como átomo da sociedade – sitiado pelo controle estatal do comportamento. Na massa, os indivíduos, desprendidos dos vínculos naturais constitutivos da organicidade, são subjugados por influências exteriores e se tornam joguetes dos demagogos. Deste modo, a massa é um fenômeno que atesta o predomínio de irracionalismo no procedimento coletivo.
Quando o socialismo se transforma numa faceta existencial do marxismo cultural, então ele não é mais uma ideologia política, mas um arranjo ideológico – uma ordem objetiva das coisas – capaz de destruir qualquer agremiação política que tenta desafiar sua supremacia.

Leituras Recomendadas

Previous
Next
FPS Livro nº 15 ''Projeto de Reforma Agrária''_capasite
CARTILHADOSPLINIANOS
MANIFESTOSPRP
CARTAANAÇAO2
OSECULODOCORPORATIVISMO
OCOMUNISMOEAMAÇONARIA
OSJUDEUS_ALFREDOBUZAIDINCL
manifestoprograma1936
NORMASDEADMINISTROTÉCNICAMUNICIPAL
Livro Municipalismo
o_homem_e_Oestado
acrisepalamentar
o_Elo_Secreto2
como_se_engana_a_humanidade2
conceito_de_civilização_brasileira2
discurso de despedida do parlamento
como_se_prepara_uma_china
O Ultimo Nazireu
Livro Sagrado Linear
Padre 2 (1)
OESTADONACIONAL
ARTEECIVISMOCORR
constanciadoolharvigilante
O_Estado_meio
TODOS OS ANIMAIS SAO IRMÃOS
thumbnail (1)
FREI ORLANDO SILVA
A Arte da Guerra
FranciscanismoXTomismo
Igreja Linear
era vargas
Livro A Casa Imperial
fronteiras_da_tecnica
golpe_de_novembro
direito_politico
forças_secretas
manifesto_municipalista
AIGREJAEOMARXISMO
abya yala
prpcartaz
boletimdedoutrina2rn
boletimdedoutrina1rn
comquemestamos
CATOLICOSEINTEGRALISMO
pelobemdobrasil
discursoaosintegralistas
CONCEITOCRISTÃODOTRABALHO
Breviário do Camisa Verde
Livro Cientificismo Moderno
Livro Espiritualidade

Marcha Linearista

Vídeo em Destaque

TUPÃ, O GALO VERDE INTEGRALISTA E LINEARISTA, ESMAGA O VERME COMUNISTA LIBERAL, GERADO NO VENTRE DO GRANDE CAPITAL FINANCEIRO INTERNACIONAL