INTEGRALISMO LINEAR ELEGE SEU MAIOR INIMIGO DOUTRINÁRIO: O TOMISMO

Aguardem publicação deste texto revolucionário.

 

INTEGRALISMO LINEAR ELEGE SEU MAIOR INIMIGO DOUTRINÁRIO: O TOMISMO

CÁSSIO GUILHERME, PRESIDENTE DO MIL-B

” AS SOCIEDADES SE ESTRUTURAM ORA SEGUINDO AS VISÕES DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS, ORA SEGUINDO AS VISÕES DE SÃO TOMÁS DE AQUINO”, G. K. CHESTERTON

 

                               Depois de quase trinta anos de fundação, de um trabalho estruturado nacionalmente e internacionalmente, é chegada a hora do Movimento Integralista e Linearista Brasileiro MIL-B apresentar de forma concreta e indelével e histórica  uma das razões principais de sua luta doutrinária para o Sec XXI, dando continuidade ao trabalho iniciado pelos Integralistas na década de 30.  E com isso,  formatar o futuro com as novas visões do Linearismo e das propostas de solidificação de uma nova cosmovisão de mundo. Nesse contexto, a encruzilhada será vencida com a apresentação do nosso maior inimigo doutrinário, inimigo mortal do nosso trabalho anti-materialista, anti-racionalista, anti-dogmático, anti-humanista e a favor da elevação espiritual do Homem e da Humanidade. Esse confronto espiritualista versus materialista foi a razão de ser da Ação Integralista Brasileira, e por conseguinte nosso trabalho tem o empedernido objetivo de coroar esse esforço. E qual seria esse inimigo mortal¿¿ Ele se chama Tomismo, ou doutrina Tomista. A doutrina criada por São Tomás de Aquino, doutor da Igreja Católica no Sec XIII e que teve como objetivo implantar a Antropocentria Ecumênica no mundo, e desqualificar as propostas de São Francisco de Assis, que morreu no ano em que Tomás nasceu( coincidentemente).  Alguém disse que a coisa mais difícil desse mundo seria destruir o pensamento e as bases tomistas enquanto filosofia; nós Integralistas e linearistas do SEC XXI, embasados na qualificação estrutural de herdeiros das propostas integralistas de combate feroz ao materialismo e a apostasia, afirmamos categoricamente que uma das coisas mais fáceis do mundo é aniquilar esse castelo de sandices tomistas que perdurou por quase 1000 anos, enganando sobejamente os menos avisados com seus tentáculos apodrecidos.

                              O golpe tem que ser rápido e mortífero nessa ideologia satânica chamada Tomismo. Por isso, vamos nos furtar de objetivações estafantes e prolongadas, bem como tratados de eloquência acadêmicas infrutíferas,  o que abominaria nosso objetivo primaz de limpar esse lixo filosófico do nosso cabedal de ensinamentos o mais rápido possível, e nos concentrar em pontos certeiros de golpe letal e perpétuo ao Tomismo.

                              Livre-Arbítrio?? Fé e razão juntas?? Humanismo?? Intermediários entre Deus e o Homem?? É fantástico que abominações tão claras e brilhantes tenham enfeitiçado a Humanidade por tanto tempo sem que ninguém se levantasse para desmoralizá-las. Racionalismo de quê?? Onde o ser humano tem livre-arbítrio se não escolhe seu lugar de nascimento, nem seus pais, nem mesmo como será?? que racionalismo é esse¿¿ Já  viram o que o Ser humano é capaz de fazer com seus semelhantes e com os animais e a natureza por causa de dinheiro¿¿ Isso é o ser racional?? Qual o caminho entre Deus e o Homem¿¿ Por sinal seria a liturgia católica somente e suas modificações do caráter sadio e santificado do Cristianismo?? Bobagens tomistas seriam qualitativos caridosos e elogiosos para esse excremento de idéias forjada por São Tomás de Aquino. Em nenhum de seus livros o Aquinate explica o que seria racionalidade. Na Suma Teológica ou na Suma para Gentios se resume a uma verborragia insana de disparates e perdigotos pútridos contra a indulgência fracassada de lucros da sua entidade patrocinadora, a igreja católica. Blasfêmias seriam qualidades piedosas demais para descrever essas estultices tomistas.

                             Fundamental afirmarmos mais uma vez que o Integralismo Linear não aceita a Teocracia, e nem a Antropocracia. Deus nem o Homem são centros do universo. Nós defendemos a Harmoniocracia, como queria São Francisco de Assis. A Harmonia entre todos os seres é o centro do universo e sua razão de existir. O espírito pode existir sem a matéria; o contrário é impossível. A Tábula Rasa é mais uma das bobagens tomistas, visto que a própria tábula do Aquinate não era rasa coisa nenhuma, e já estava eivada de paradigmas católicos. A religião é um evento social, não uma regra de conduta espiritual. As ontologias de prova divina do Aquinate igualmente são sandices tão poderosamente estruturadas numa mente maléfica, que conseguiram ludibriar as maiores mentes do mundo por tanto tempo.

                         Quando se descortinam as trapaças dos apóstolos do bezerro de ouro, que financiaram o Aquinate, maculando o verdadeiro Cristianismo do Jesus Cristo combatente, guerreiro, e não essa figura patética loira afeminada de olhos azuis, covarde, que vira a cara para bater, vemos o quanto errôneas são as premissas do Tomismo.  A razão humana não é nada!! A vontade humana em transformar o mundo é  o que conta. A nova noção de espiritualidade, portanto, não deve ter vínculo algum com esse conceito fantasmagórico de racionalidade. O verdadeiro cristão tem seu castelo de idéias embasado e construído na sua capacidade volitiva de transformação, não em conceitos mirabolantes de racionalismo. As Ciências se perderam em escravas do ócio e da ganância por causa dessa epistemologia. São Tomás de Aquino só existe, consequentemente, a partir do momento em que aceitamos o ser humano como centro do universo(absurdo). Se essa mentira cai, o castelo tomista cai. O Tomismo se desfaz tal como açúcar num copo de água. O Tomismo além de tudo, é servo do seu senhor judaico materialista histórico, em última instância. Confunde tudo, empestia tudo, avilta tudo que é harmônico no universo, em nome do materialismo.

                         O Homem do SEC XXI se viu refletido no espelho. Não há mais como se ver em imagem sobre masturbações humanistas e deístas quiméricas, que falsamente glorifica mortais e imortais com virtudes inexistentes. A escravidão sobreviveu por mais de 5000 anos no mundo. Um ser humano explorando o outro por dinheiro. Isso foi racionalismo?? Que fantasia grotesca!!  As atrocidades cometidas contra os  animais( nossos irmãos menores em espírito) em abatedouros; o desprezo pela natureza em nome do lucro. Esse o ser humano racional do Aquinate e seus patrocinadores¿¿ A Casa tomista caiu vertiginosamente!! O Objetivo principal de todo cristão verdadeiro, seguidor do Jesus guerreiro, é confrontar os adoradores do bezerro de ouro e operários do Trono de Mamonn. O Reino  do Demiurgo do Antigo Testamento foi maculado para sempre. As conspirações iluministas, capitalistas, comunistas, humanistas, cientificistas, todas se apoiaram nessa areia pantanosa do tomismo, falsamente aceita como rocha impenetrável.

                     Em resumo, o Integralismo Linear pôs um fim nessa poção diabólica de incongruências  e disparates chamada de Tomismo. Que o Aquinate descanse em paz no inferno cumprindo sua sentença por tal vilipêndio da natureza. Viva São Francisco de Assis!! Viva a Espiritualidade!! Morte ao materialismo!! Morte ao Tomismo!! Anauê!!

 

 

1 comment

  1. Francisco Carlos Ferreira Anéas

    O dinheiro é uma invenção do Diabo para explorar o próximo, homem lobo do homem. O homem não é centro do universo. Tudo é um grande organismo onde todos os seres vivos interagem com a matéria. O importante é o equilíbrio e a convivência com tudo que existe na natureza. Deus é o todo, o homem uma parte do todo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *