A INTERNET E O DESTRONAMENTO DOS “ARTISTAS”

A INTERNET E O DESTRONAMENTO DOS ”  ARTISTAS”

CÁSSIO GUILHERME, PRESIDENTE DO MIL-B

 

                   O advento da internet e da democratização dos meios de comunicação invariavelmente revelou mais uma das farsas da Grande Mídia de Massa e seus tentáculos nefastos de Engenharia Social: mostrou o quão pulhas e vigaristas são os chamados artistas vinculados a essa Grande Mídia. Há muito tempo que a Mídia de Massa manipulada utiliza esses vagabundos cantores, produtores, cineastas, redatores, radialistas, atores e atrizes, que em última análise, estão mais interessados em manipulação da mente das pessoas e locupletação pessoal ( enriquecer) do que em basicamente entretê-las ou diverti-las.

                   No início da década de 90 no Brasil foi criada uma Lei para incentivar a cultura e a produção cultural no pais. A chamada lei Rouanet. Entretanto, o que se viu foi uma saraivada de ataques ao erário público por parte das produtoras de conteúdo ” artístico”, ávidas por dinheiro fácil e por promover os bandoleiros televisivos e cinemáticos do chamado show business. O que era para incentivar o pequeno talento musical ou teatral ou cinéfilo de grupos iniciantes se transformou na verdade em patrocínio descarado, com dinheiro público, a “artistas”         vinculados a Grande Mídia e grandes produtoras. Recitar poesias ou falar asneiras e sandices no palco de um teatro passou a gerar milhões de dólares para inescrupulosos idiotas que no Brasil são vistos como influenciadores de massa e da opinião pública. É um verdadeiro escândalo ver atores e atrizes de grandes emissoras receberem dinheiro para vociferarem asneiras ideológicas, engajamentos promíscuos e levianos, lixo artístico da pior qualidade. E sem que o contribuinte pudesse questionar nada ou criticar nada, visto que os canais de comunicação, com sua democracia ditatorial de anular qualquer contraditório, sempre estiveram nas mãos dos mesmos saqueadores que minam os recursos das Nações há décadas.

                   O que pôs fim a essa orgia de roubalheira cultural no Brasil, em parte, foi a democratização das Redes Sociais e da Informação em geral, que passou a mostrar de fato quem eram os ” maravilhosos e cândidos artistas” vinculados a Grande Mídia. Cantores consagrados como Chico Buarque, Tom Jobim, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Milton Nascimento,  Djavan, Wagner Tiso, Maria Bethânia, e inúmeros outros atores e atrizes, que sempre foram apresentados como baluartes da moral e da honestidade, influenciadores contumazes do comportamento das pessoas, repentinamente foram desnudados e desmascarados, mostrando toda sordidez psicopática desses medíocres, que sempre estiveram do lado de seus bolsos, não do interesse popular. Usando do escudo da produção cultural, tentavam moldar ideologicamente a opinião alheia, sempre manipulando a tudo e a todos, principalmente os jovens. De rápido momento, foram destronados como reis da patifaria e embromação. Foi realmente patético sermos testemunhas dessas revelações bombásticas sobre esses cantores, produtores, atores e atrizes, que de uma hora para outra, passaram de paladinos do heroísmo cultural para sequazes perversos do dinheiro suado do contribuinte. E tudo com o beneplácito do Ministério Público e do Tribunal de Contas, que avalizam a bandidagem contra o cidadão de forma inacreditável. E no apagar das luzes, até a Academia Brasileira de Letras resolveu se juntar ao chiqueiro, promovendo os porcos a imortais da debilidade nacional. É lastimável a que ponto chega o ser humano por dinheiro.

                   Felizmente, o cidadão conseguiu uma libertação através das Redes Sociais. Nem que seja apenas para criticar toda essa camarilha de boçais que sempre trabalharam para a Grande Mídia, não como divertidores da população, mas como saqueadores do bem público em nome de uma cultura imunda e suja. Fora lei Rouanet e seus apóstolos da mamata!!!

 

 

 

Leituras Recomendadas

Previous
Next
Livro Municipalismo
o_homem_e_Oestado
acrisepalamentar
o_Elo_Secreto2
como_se_engana_a_humanidade2
conceito_de_civilização_brasileira2
discurso de despedida do parlamento
como_se_prepara_uma_china
O Ultimo Nazireu
Livro Sagrado Linear
Padre 2 (1)
OESTADONACIONAL
ARTEECIVISMOCORR
constanciadoolharvigilante
O_Estado_meio
TODOS OS ANIMAIS SAO IRMÃOS
thumbnail (1)
FREI ORLANDO SILVA
A Arte da Guerra
FranciscanismoXTomismo
Igreja Linear
era vargas
Livro A Casa Imperial
fronteiras_da_tecnica
golpe_de_novembro
direito_politico
forças_secretas
manifesto_municipalista
AIGREJAEOMARXISMO
abya yala
prpcartaz
boletimdedoutrina2rn
boletimdedoutrina1rn
comquemestamos
CATOLICOSEINTEGRALISMO
pelobemdobrasil
discursoaosintegralistas
CONCEITOCRISTÃODOTRABALHO
Breviário do Camisa Verde
Livro Cientificismo Moderno
Livro Espiritualidade
sociedadessecretas
soluçoesnacionais
bolchevismogondim
protocoloserituais
analiseopoortuna
teoriaintegraldodireito
O_BRASIL_NA_CRISE_ATUAL
O_QUE_E_ESTADO_NOVO
O_IMPERIALISMO_BRITANICO_NO_BRASIL

Marcha Linearista

Vídeo em Destaque

TUPÃ, O GALO VERDE INTEGRALISTA E LINEARISTA, ESMAGA O VERME COMUNISTA LIBERAL, GERADO NO VENTRE DO GRANDE CAPITAL FINANCEIRO INTERNACIONAL