A CASA IMPERIAL NATIVISTA BRASILEIRA E A DINASTIA INCA

CASA IMPERIAL NATIVISTA BRASILEIRA
É POSSÍVEL RESTAURAR A  DINASTIA INCA ?
               A resposta para essa pergunta é um sonoro: Sim de acordo com a lei de sucessão das monarquias europeias, e o próprio entendimento de legitimidade por méritos,  a morte do último descendente de uma Casa Real Inca ( e por isso, de qualquer Casa Real Nativista) deveria ter dado início a uma nova dinastia. A morte de Túpac Amaru representa o fim da linha dinástica iniciada por Manco Capac, dando lugar a que outros pudessem reivindicar o direito ao trono.
          A leitura dos Comentários Reais de Garcilaso possibilitou a recuperação do passado e a reivindicação da restituição da antiga soberania para a população andina. Túpac Amaru teria participado de Lima em 1778 no quadro de leitores de Garcilaso fundado por Miguel Montiel, um comerciante cusco que estivera na Espanha, França e Inglaterra.
        Montiel nasceu em 1757 na cidade de Oropesa (Quispicanchis). Durante sua juventude, ele viajou pelas províncias do sul e pelas montanhas. Mais tarde foi para Espanha, Grã-Bretanha e França. Ele viveu em Londres por cerca de cinco anos e em 1769 voltou para a Espanha e no ano seguinte voltou para o Peru. Ele conheceu Túpac Amaru em Lima quando ele estava litigando perante o Tribunal do Marquês de Oropesa. Ambos compartilhavam a nostalgia do Império Inca e acreditavam que sua restauração fosse possível.
          Eles leram Garcilaso na edição González de Barcia, publicada em Madrid em 1723. Uma cópia desta edição é a que aparece no registro aduaneiro dos objetos pessoais de Túpac Amaru quando ele voltou de Lima para Cusco em dezembro de 1777.
           Após a derrota da Grande Rebelião, as autoridades coloniais condenaram toda memória do passado Inca  como uma ameaça. Eles buscaram erradicar todos os vestígios do passado Inca, tudo que lembrava o mundo andino antes da Conquista e do massacre das hordas cristãs no Mundo Novo, travestidas de arautos dos Evangelhos. Todas as cópias dos Comentários reais foram confiscadas. Os descendentes dos Incas foram privados do direito de usar o título Inca.
           Eu batizado Carlos Alberto declaro-me Pachacútec  Yupanki II  e reivindico a dinastia Inca com total aprovação de las panacas reales , anciãos e xamãs atual Sapa de  Tawantinsuyo. Juro por minha honra e vida ter recebido das Huacas o restabelecimento do Incanato no primeiro dia de 2021
            Eu Pachacútec Yupanki II tenho acesso as Huacas , e através delas conhecimento sobre os acontecimentos passados ​​e futuros do Império do Sol Tawantinsuyo.
          O Brasil fazia e faz parte do Antisuyo Nordeste com sede administrativa em Cuzco  morada  dos Deuses uma parte indissolúvel do Império de Tawantinsuyo
            Não reconheço autoridade e soberania de nenhum papa ( bulas papais ) ou reis europeus, ou influência de qualquer Sociedde Secreta ou seus mandatários,  sobre nossas terras e meu sangue.
           Cada príncipe de outros reinos deve enfrentar fazer suas  reivindicações em seus continentes de origem na Gondwana Austral Tropical,  o Imperador não terá por inocentes crimes de lesa majestade e lesa Império
          O Império de Tawantinsuyo ressurgiu em cumprimento das antigas profecias
ANAUÊ!
Viva o Império!
Soberano Pachacútec  Yupanki II
Sapa Inca

Leituras Recomendadas

Previous
Next
FREI ORLANDO SILVA
A Arte da Guerra
FranciscanismoXTomismo
Igreja Linear
era vargas
Livro A Casa Imperial
fronteiras_da_tecnica
golpe_de_novembro
direito_politico
forças_secretas
manifesto_municipalista
AIGREJAEOMARXISMO
abya yala
prpcartaz
boletimdedoutrina2rn
boletimdedoutrina1rn
comquemestamos
CATOLICOSEINTEGRALISMO
pelobemdobrasil
discursoaosintegralistas
CONCEITOCRISTÃODOTRABALHO
Breviário do Camisa Verde
Livro Cientificismo Moderno
Livro Espiritualidade
sociedadessecretas
soluçoesnacionais
bolchevismogondim
protocoloserituais
analiseopoortuna
teoriaintegraldodireito
O_BRASIL_NA_CRISE_ATUAL
O_QUE_E_ESTADO_NOVO
O_IMPERIALISMO_BRITANICO_NO_BRASIL
MAÇONARIAEAIBCORR
Livro O Integralismo e a Educação em Massa
capa Integralismo Místico
capa livro gustavo barroso super-herói
Azevedo Amaral
ESTADO_CORPORATIVO
MARIA AMELIA
ORAÇÃO_DA_HORA_AMARGA
POR CRISTO E PELA PATRIA
Livro O Integralismo Linear e a Economia2
RUI BARBOSA E A QUEIMA DOS ARQUIVOS
''50 mil camisas-verdes desfilaram, no rio, ao lado das forças armadas''
70c18c3b-9b35-4450-9649-9a66dfcb66c0
Livro O Integralismo Linear e a Revolução Vegana
Livro O Integralismo Linear e o Escotismo
thumbnail
41V2QwyVagL._SX352_BO1,204,203,200_

Marcha Linearista

Vídeo em Destaque

TUPÃ, O GALO VERDE INTEGRALISTA E LINEARISTA, ESMAGA O VERME COMUNISTA LIBERAL, GERADO NO VENTRE DO GRANDE CAPITAL FINANCEIRO INTERNACIONAL